Você está sem tempo para cozinhar?


Quiche Lorraine 01

Deixe a sua cozinha comigo!

Quando você chegar em casa terá sempre uma comida gostosa e saudável esperando por sua família!

Vou na sua casa e preparo pratos congelados variados.

Sugestões:

  • Carne Assada com molho roti
  • Escalope ao molho madeira
  • Peito de frango ao curry
  • Caponata
  • Lombo com laranja
  • Salmão grelhado
  • kibe de Bandeja
  • Moussaka
  • Ratatouille
  • berinjela Recheada
  • Pimentão Recheado
  • Tortas e Quiches
  • Lasanha e rondeli5barbeque-pork-on-rice

Sugestão da Personal Chef – Menu Francês

Entradas:

  • Tapenade: torradas com patê de azeitonas, anchovas e alcaparras
  • Flognard de tomate cereja
  • Vichysoisse
  • Vol-au-vent de Brie

Pratos Principais:

  • Cordeiro à Provençal
  • Coelho com ameixas
  • Peito de pato com frutas vermelhas
  • Pappilote de Salmão
  • Moules Marinière
  • Vieiras à Provençal

Acompanhamentos

  • Gratin Dauphinois
  • Ratatouille
  • Gratinado de Courgettes
  • Salade niçoise

Sobremesa

  • Profiteroles
  • Crepes Suzette
  • Clafoutis
  • Quiche l’orange
  • Pêras ao Vinho

Sugestão da Personal Chef – Menu Italiano

Cardápio Italiano

Entradas:

  • Escabeche de Beringela
  • Ensalata Caprese
  • Mousse de Gorgonzola com radicchio

1º Prato:

  • Penne ao Pesto
  • Tortellone de Nozes e ervas
  • Spaghetti al Vongoli

2º Prato:

  •  Pernil de Cordeiro ao vinho com brócolis e batata dourada
  •  Risoto Piemontes com Salmão
  •  Polenta com ragu de pato

Sobremesas:

  • Tiramissú
  • Baba ao Rum
  • Pastiera di Grano

Delícias da cozinha Libanesa

Mesabaha: Aperitivo mais conhecido no Brasil por Homus Bitahine, patê de grão de bico e tahine

Ingredientes:
2 copos americanos de grão de bico cozido
2 dentes de alho bem amassados
½ colher de chá de sal ou a gosto
½ copo americano de suco de limão
¾ de copo americano de Tahine (molho de gergelim)
¼ de copo de salsinha picada
1 de sopa colher de tahine

homus

Para decorar:
Cominho a gosto
Uma colher de sopa de grão de bico.
Fatias de Limão
Azeite de oliva extra virgem

Modo de Preparo:
Processe o grão de bico com a tahine no processador até formar um creme liso e homogêneo. Misture a parte o alho, o sal, o limão juntamente com a colher de tahine e mexa bem, acrescente essa mistura ao creme. Misture bem e sirva.
Decore com (limão), azeite e o grão de bico reservado.

Il Dolce

Confit de tomate sobre berço de praliné, coberto de creme de mascapone e couli de manjericãoRaphaella 002 Raphaella 003 Raphaella 010

Amuse Bouche

torta de morango

Bolo Chiffon de laranja com morangos e chatilly

 Encomende o seu!

01_junho 012

Fetuccini com Trufas

le marais 005

Mude os hábitos na cozinha!

Publicado originalmente em Ecogastronomia:

Ações simples usadas na cozinha podem fazer diferença.

  • Separe o lixo reciclável do orgânico. 
  • Antes de lavar os pratos deixe a louça de molho na pia, mergulhados em água e detergente.
  • Para tirar a gordura de um recipiente sujo, use a borra do café. Passe a borra, deixe agir por alguns minutos e depois lave com água.
  • Reutilize a água de cozimento de vegetais para fazer sopas, novos cozimentos ou para regar plantas e jardins. Esta água é muito rica em nutrientes.
  • Procure o selo de eficiência energética do Procel ao comprar aparelhos novos ou trocar os velhos. 
  • Deixe os grãos de molho algumas horas antes de cozinhar. O alimento utilizará menos gás e tempo para ser preparado. Não se esqueça de tampar a panela enquanto cozinha, e de preferência use uma panela de pressão.
  • A geladeira é o segundo eletrodoméstico que mais consome energia elétrica na casa. Evite abrir…

Ver original 57 mais palavras

As Frutas Nativas Brasileiras

As frutas mais populares nas mesas dos brasileiros não são as nativas. Elas foram introduzidas nas primeiras 4 décadas após Cabral aportar na Bahia. Algumas originariamente da Europa – como a laranja, maça, pêra e uva – outras são nativas da Ásia (coco, banana nanica e manga), Américas Central e do Norte e Caribe.

O cajú,  maracujá, banana da terra, abacaxi, goiaba, açaí, araçá, guaraná, jabuticaba, pitomba, jenipapo, cupuaçu, bacuri, murici,

Siriguela

juá, pequi, pitanga, mangaba, cabacinha-do-campo, cambuci e seriguela são algumas das frutas originárias de nossas terras.

A variedade é surpreendente!  São 325 espécies encontradas em diversos ecossistemas.

Pitomba

Helton Josué Teodoro Muniz  é um autodidata apaixonado por frutas, tanto que criou a Colecionando Frutas, um site com rica base de dados sobre frutas do mundo todo.

Vale a pena conhecer!

http://www.colecionandofrutas.org/

Reaproveitando Alimentos

O Brasil  é um dos 10 países no mundo que mais desperdiçam alimentos. Levantamentos mostram que aproximadamente 4 milhões de toneladas de folhas e talos aproveitáveis na alimentação são jogados fora todos os anos.

É importante saber que folhas de beterraba, de cenoura, talos de brócolis e couve-flor, entre outros, são deliciosos e muito nutritivos.  Ingredientes que você acha que não servem para nada (e vão para o lixo) podem ser usados em receitas muito saborosas.

Um dos principais conceitos da sustentabilidade é o REÚSO.

Quem não conhece o Minestrone, tradicional sopa italiana que se originou de sobras? Sobras viram sopas, frutas maduras se transformam em geleias e cascas em compotas.

O feijão do almoço pode ser o virado à paulista do jantar; o arroz vira bolinho, com um pouquinho de coentro….que delícia.

A carne que sobrou do churrasco vai para a panela de pressão até o ponto de desfiar, assim pode ser usada no arroz carreteiro, ou servida fria com um molho campanha. O destino vai depender da quantidade.

Sobrou frango? Assado, cozinho ou frito, não importa. Vai virar uma galinhada.

As cascas do maracujá são meu ingrediente favorito. Com ela preparo geléias de morango, amora, manga, tomate e gengibre. Rico em pectina, ele vai dar a consistência em geléias de frutas que não possuem essa fibra solúvel.

Folhas de beterraba refogadas, casca de laranja cristalizada, purê de casca de abóbora, chá de casca de abacaxi; receita é o que não falta. Basta analisar e encontrar com criatividade a melhor forma de reúso.

Jogar comida no lixo é um ato inominável. Em um mundo onde a fome extrema mata, temos que mudar valores e atitudes para que o desperdício acabe.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 456 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: